Archive for março \30\UTC 2009

Escalda-pé

Posted on março 30, 2009. Filed under: Exercícios |

escaldape

“A finalidade maior do escalda-pé é provocar suor, tendo grande efeito para ajudar na cura de febres e doenças como edema, nefropatia, diabete, tosse, gripe e resfriado. Esta técnica normaliza a pressão. Mesmo estando a pressão alta em ponto critico – ou mesmo a pressão baixa – a técnica afastará maiores perigos.

Mergulhar as duas pernas ( até as batatas das pernas ) em água de 40 graus. Cubra o resto do corpo com seu cobertor, mas não cubra a cabeça. Após 4 minutos, adicione mais água quente deixando a temperatura chegar aos 41 graus, quando você já estiver com as pernas em água há 5 minutos. A cada 5 minutos possibilite que a temperatura suba 1 grau até atingir 43 graus, totalizando 20 minutos de tratamento. Enxugue então os pés e mergulhe-se agora em água fria de acordo com as informações abaixo:

Temperatura da água – tempo de permanência

14°C – 2 minutos

16°C – 2 minutos e 30 segundos

17°C – 3 minutos

18°C – 3 minutos e 30 segundos

Finalizando esta etapa, pratique o exercício do vaso capilar por dois minutos, e em seguida cubra bem o seu corpo. Em duas horas o seu corpo estará suando. Não ande no intervalo de 40 minutos após o escalda-pé, pois seu tornozelo estará inchado e poderá inflamar.

Ao suar o suficiente ( até que o suor pare ), limpe-se com uma toalha ou com banho e troque de roupa. Não esqueça de compensar a perda de água com vitamina C, sal e água. O ideal seria beber um suco de laranja, ou comer verduras e tomar bastante água.

Se a febre não baixar, recomenda-se que se repita o processo 2 ou 3 vezes ao dia, sempre com um intervalo de mais de 3 horas entre cada escalda-pé. Esteja de estomago vazio quando fizer o escalda-pé. Espero pelo menos 40 minutos após a refeição. Evite corrente de ar frio ou esfriar o corpo de qualquer maneira. Cubra bem o corpo e deixe-o suar o suficiente.”

Observações

– Sentindo falta de ar durante o escalda-pé, pare o tratamento e mergulhe os pés em água fria e quente alternadamente, até que a respiração se normalize.

– Não se deve praticar o escalda-pé em jejum pois se gasta muita energia.

– Febres acima de 39.5°C não é recomendável esta prática.

Texto retirado do livro: Irrigação da vida – Autor: Dr. Jong Suk Yum – Editora Convite do Brasil – 1986.

Me desculpem mais uma vez pelo atraso na atualização do blog! Um abraço a todos e obrigada pela visita! 😉

Regina

Ler Post Completo | Make a Comment ( 1 so far )

Como nasceu a Unibiótica

Posted on março 26, 2009. Filed under: Teoria e Prática |

unibiotica2

“Para criar a Unibiótica, pratiquei e pesquisei as 362 técnicas de Medicina em toda a história. Entre elas havia aquelas que eram totalmente inviáveis e piores, eram anatomicamente incoerentes. Algumas eram aparentemente funcionais, mas sua prática mostrou que causavam sérias conseqüências. Se estas conseqüências fossem uma reação, era aceitável, mas eram efeitos colaterais maléficos. Algumas apresentavam os efeitos colaterais uma semana após a prática, outras três meses depois.

Quando pesquisei suas causas, algumas me causaram grande espanto, pois elas estavam escondidas em lugares que jamais se podia imaginar. Mas cada uma delas, em muitos casos, possuíam efeitos parciais. Se decorrente desse feito quebrar uma parte do corpo, então esse não poderá ser o verdadeiro método de saúde.

Alguns afirmavam que com apenas o fortalecimento muscular, se podia alcançar a saúde e outros afirmavam que eliminando os agentes patogênicos como vírus e bactérias, o homem alcançaria a saúde.

O mesmo tempo que pesquisava as 362 técnicas, pesquisei também sobre os criadores de cada técnica. Eles criaram diversas técnicas mas, eram acometidos de vários problemas, como problemas de coluna, outros de nariz e alguns de pulmão, etc. Os métodos só serviam para aqueles que tivessem os mesmos problemas do criador do método. Para os que sofriam de distúrbios diferentes, muitos não conseguiam alcançar a saúde.

Por isso, eu criei a Unibiótica, com a finalidade de mostrar o caminho da saúde à toda humanidade, sem discriminação de raça, idade, sexo, que objetiva uma terapia total e não parcial como muitas outras.

A seguir, apresento-lhes os 18 teorias que contém as 362 técnicas, praticadas por mim para criar a Unibiótica.:

1 – Teoria que se baseia em exercícios para o fortalecimento do físico ( musculação, ginástica, etc ).

2 – Teoria baseada na postura correta do corpo.

3 – Teoria que vê a pele como ponto central de defesa do organismo.

4 – Teoria centrada no conhecimento da coluna vertebral.

5 – Teoria baseada no conhecimento e atenção aos intestinos.

6 – Teoria que analisasse os vírus e bactérias.

7 – Teoria da nutrição, reeducação alimentar.

8 – Teoria da respiração profunda e rítmica; Yoga.

9 – Teoria da acupuntura, controle dos nervos e sistema nervoso.

10 – Teoria que estuda a mente, terapia sugestiva e psicológica.

11 – Teoria da crença num ser superior, criador de todas as coisas.

12 – Teoria que usa os remédios como principal forma de tratar as doenças.

13 – Teoria do uso da água para eliminar substancias tóxicas.

14 – Teoria do naturalismo.

15 – Teoria que estuda o olho e o relaciona com a mente e outros órgãos.

16 – Teoria que estuda o nariz do Dr. Bonier.

17 – Teoria que estuda o pé como fator determinante no aparecimento de doenças.

18 – Teoria que estuda as forças baseadas no yin e yang.

Desses métodos tentei unir os pontos em comum e os que traziam benefícios sem efeitos colaterais. Dessa analise surgiu a Unibiótica, que nada mais é que a filosofia da natureza, é a ciência baseada nas leis da Natureza, é a educação para conhecer e respeitar a natureza e é a religião da própria vida. É um método onde a compreensão do principio de saúde e tratamento é fundamental para a manutenção da harmonia e união do corpo e mente.”

Texto retirado do livro: Irrigação da Vida – Autor: Dr. Jong Suk Yum – Editora Convite do Brasil – 1986.

Obrigada pela visita e um ótimo fim de semana a todos!

Regina 😉

Ler Post Completo | Make a Comment ( 1 so far )

Plataforma vibratória VS Exercício vasocapilar

Posted on março 15, 2009. Filed under: Exercícios |

Gostaria de mostrar hoje um aparelho que muitos devem conhecer, mas para quem não conhece vou apresentá-lo: A PLATAFORMA VIBRTÓRIA

plataforma_vibratoria_powerplate_my5

Como Funciona

O sistema baseia-se em repetir um estímulo sobre os músculos, tendões e ligamentos, o qual gera uma resposta de contração imediata, sem sobrecargas. O aparelho vibra, apenas isso e nada alem disso.

Com a vibração consegue-se trabalhar a 100% os músculos. Adotando diferentes posturas potencia-se o exercício em determinadas partes do corpo, sem esforço. Os músculos são oxigenados e consegue-se queimar a gordura corporal.

As plataformas vibratórias não devem ser confundidas com a ginástica passiva nem com os eletros-estimuladores, já que os princípios em que se baseiam e a tecnologia utilizada são completamente distintos.

É uma excelente maneira de exercitar-se saudavelmente, sem esforços, mas com resultados espetaculares.

Benefícios gerais

* aumenta a massa muscular

* auxilia o alongamento

* ganho de força

* perda de medidas

* drenagem linfática

* enrijece os músculos

* aumenta a densidade óssea (fortalecendo os ossos)

* Estimula o funcionamento do intestino

* Reduz colesterol e excesso de gordura no corpo

*Melhora a circulação

*Entre outras coisas…

Esse aparelho custa em média R$ 11.000 reais.

Agora a seguinte pergunta: o principio desse aparelho não é exatamente o exercício do vaso capilar? Com certeza que sim! Talvez esse aparelho seja mais eficiente em termos gerais, pois, afinal de contas, ele foi feito só pra isso e permite fazer o exercício em outras posições, e pra custar 11 mil reais tem que ser ótimo mesmo.

Mas o exercício do vaso capilar, que pode ser feito por qualquer pessoa, sem custo nenhum ( basta querer! ), tem o mesmo principio desse aparelho! O exercício consiste em vibrar os membros superiores e inferiores causando todos os benefícios descritos acima, os mesmos benefícios desse aparelho.

Estou fazendo esta comparação, por que já vi muitas pessoas irem a uma aula de Unibiótica, e terem uma primeira impressão errada da ginástica. Não dão o devido crédito por achar os exercícios simples demais ou mesmo ridículos ( sim, já vi diversas pessoas dizendo que a ginástica era ridícula ).

Mas a prova esta ai, criaram um aparelho que faz a mesma coisa que o exercício do vaso capilar. Esse aparelho deve ter no máximo 3 anos que foi lançado, e o exercício do vaso capilar existe a 30 anos.  A forma de praticar o exercício pode ser diferente, mas os benefícios são praticamente os mesmos. Por isso que eu digo que o único problema da Unibiótica são as pessoas que não dão o devido valor à ginástica. Ignoram por ser simples demais, mas estão perdendo uma ótima oportunidade de recuperar a saúde sem gastar nada! Se praticarem durante um mês seguindo, eu tenho certeza que não vão mais conseguir deixar de praticar a Unibiótica. A nossa ginástica tem todo um embasamento teórico, foi estudado e comprovado durante muitos anos, pelo Dr. Yum, diversos métodos e procedimentos para chegar na ginástica que temos hoje.

Não estou criticando o aparelho, e acho que inovações são sempre bem vindas, mas quero que as pessoas tenham a consciência de que é possível recuperar a saúde e ter uma qualidade de vida melhor, mesmo sem freqüentar uma academia ou comprar aparelhos e suplementos caros. Quem pode fazer ótimo, eu também recomendo e defendo, mas quem não tem condições também pode viver com qualidade de vida e saúde.

vasocapilar

Todos os benefícios que esse aparelho trás, podem ser conseguidos simplesmente praticando a ginástica da Unibiótica, eu garanto! Quem pratica a ginástica consegue todos os benefícios que esse aparelho trás, e o melhor, sem gastar nem um real!

Por isso, pratiquem a Unibiótica! O primeiro passo tem que ser dado, mas só depende da própria pessoa começar. Eu garanto que ninguém vai se arrepender!

Um abraço a todos! Obrigada pela visita!

Regina 😉

Ler Post Completo | Make a Comment ( 13 so far )

Nasci novamente – depoimento

Posted on março 8, 2009. Filed under: Depoimentos |

– Tenho consciência do que faço, tudo é fácil.

Eu era uma pessoa que ia, com certa freqüência, em médicos. A procura de minha saúde me fez levar a todos os tipos de especialistas, sendo psiquiatra, dermatologista, otorrinos, ginecologista, homeopatia, benzedeiras e curandeiros. Melhorava um pouco, mas não curava meus problemas.

Eu não sabia a certo que doença eu tinha. Era um conjunto de coisas que me faziam passar mal. Medico nenhum resolvia, motivo por tal ,que sempre voltava para me consultar. Essa situação durou anos, até tive a noticia de um possível cisto no ovário. Me consultando novamente, foi me dito que teria que fazer uma ecologia, que após o resultado seria providenciado uma “rápida” cirurgia. Saí de lá arrasada e disse pra mim mesma que nunca mais voltaria lá.

Eu não queria mais saber de médicos, hospitais e coisas do gênero. Mesmo que eu fizesse os procedimentos, que garantia os médicos me dariam? Sabia de muitos casos de pessoas que sofriam, passavam por esses procedimentos e não ficavam curadas, ou resolvia um problema e aparecia outro. Resolvi que não ia fazer os exames.

Por sorte, estava em N. Hamburgo, o Dr. Yum, soube através de jornais que ele estaria dando um curso e também consultas. Fiz o curso e resolvi fazer uma consulta com ele.

Relatei então o que me fez procurá-lo. Ele me examinou e disse que o meu problema era no pé. E que se eu fizesse os exercícios do leque, do peixinho, do sapinho, banhos alternados e mudasse meus hábitos alimentares ( jejum matinal, beber muita água, comer verduras cruas, evitar o açúcar, deixar de comer carne, etc ) eu ficaria boa.

A principio perdi 3 kg, mas depois aumentei 4 kg chegando no meu peso ideal. Estava mais bonita, disposta, com a cabeça limpa e com mais segurança própria. Depois da unibiótica vi como as pessoas são humanas. Fiz muitas amizades e freqüentemente nos confraternizamos uns com os outros com muita alegria. Pratico a unibiótica e estou cada dia melhor. Já não sinto mais nada.

Hoje minha alimentação é baseada em arroz integral, verduras, sementes, água, pão integral, entre outras coisas e vivemos muito bem. Fiz uma economia incrível, pois não mais comprava leite, frios, iogurtes e carne. Agora tudo na minha vida esta marcado pela Unibiótica. Nasci novamente, tenho consciência do que faço, tudo é fácil. Praticando a unibiótica por 15 dias vocês sentirão uma enorme diferença.

Agradeço ao Dr. Yum pela dedicação que tem tido para com a nossa humanidade. Pratiquem a unibiótica, com certeza, todos serão sadios, com uma cabeça saudável e não existirá problemas.

Obrigada!

Geitti S. de Souza – RS

Depoimento retirado do livro:ABC da Saúde V – Sempre há solução – Assim nos curamos – Autor: Dr. Jong Suk Yum – Editora: Convite do Brasil.

Esse livro, é um livro só de depoimentos, assim como o ABC da Saúde IV. Gosto de postar depoimentos por que são preciosos relatos que nos dão a idéia de quanto a unibiótica pode nos ajudar. Se já ajudou tantas pessoas, por que não iria nos ajudar também?

Só gostaria de pedir, para as pessoas que freqüentam este blog, e praticam a unibiótica e que já tiveram algum beneficio, que nos ajudassem a divulgar a unibiótica por meio de depoimentos. Se alguém tiver o interesse em contribuir, basta me mandar um depoimento pessoal de como a unibiótica melhorou a sua vida. Não precisa escrever muito, basta um pequeno texto contando como era antes da unibiótica, e como esta sendo agora depois de praticar. Caso a pessoa não queira se identificar, não tem problema. Pode usar um apelido ou algo parecido, desde que o depoimento seja verdadeiro, não tem problema.

Eu não estou ganhando nada com este blog e nem para divulgar. Apenas gostaria que as pessoas conhecessem essa maravilhosa ciência que trás tantos benefícios de forma muito simples e fácil. Então por favor, quem tiver interesse, ajude!

Quem quiser ajudar com depoimentos ou mesmo divulgação de outros grupos de unibiótica pelo Brasil, pode mandar as informações para este email: macmilam@yahoo.com.br .

No mais, muito obrigada pela visita! Um abraço a todos e um ótimo domingo!

Regina

Ler Post Completo | Make a Comment ( 2 so far )

Exercício da galinha

Posted on março 4, 2009. Filed under: Exercícios |

pernas

Pernas e pés pesados

“Quando se envelhece, sente-se peso nas pernas. O tronco de curva para frente e, dessa maneira, passa-se a andar como um velho.

Os atores, quando desempenham papel de velho, dão atenção especial às pernas e à cintura, pois o sintoma da velhice é exatamente a fraqueza das pernas e da cintura. Os idosos saudáveis tem as pernas e cintura fortes; não tem problema para andar ou trabalhar.

Observem-se os provérbios: “Não há ferrugem na pá em uso”, e “Não há musgo em pedra que rola”. As pernas também, enquanto estiverem se exercitando, poderão estar sempre em forma. O passeio pela manhã e/ou à noite é a melhor maneira de se manter as pernas em forma. Quando se vai a um local próximo deve-se ir andando, em vez de usar o carro. Também é um bom exercício ficar de pé em uma perna só, a circulação das veias melhora, conseqüentemente, melhora também, o processo de desintoxicação.

228_aula5

Não é necessário o uso de caneleiras e o ideal é fazer este exercício sem se apoiar em nada e imóvel ( sem ficar balaçando a outra perna dobrada ), nem mesmo em uma cadeira ( na falta de uma imagem melhor, esta foi a que mais se aproximou da aparência do exercício que eu consegui encontrar ). Basta ficar em pé numa perna só por alguns minutos, essa é a descricao mais simples e mais fiel do exercicio.

Deve-se iniciar com 1 ou 2 minutos para cada perna e ir aumentando aos poucos ate chegar a permanecer 20 minutos sobre cada perna. Fazendo o exercício do vasocapilar antes e depois desse exercício é ainda melhor.

O exercício de ficar em pé em uma perna só não fortifica somente as pernas, como também, é um ótimo tratamento para as varizes. Às vezes, as varizes podem ser responsáveis por alguns distúrbios como hemorróidas, reumatismo, enxaqueca, etc, por isso devem ser tratadas o quanto antes. Há um provérbio que diz: “Quem tem uma perna não sofre de hemorróidas”. O exercício de ficar de pé em uma só perna é um ótimo tratamento para evitar hemorróidas. Hemorróidas leves podem ser curadas com esse exercício. Esse exercício estimula a digestão e a desintoxicação.

Esta é a razão pela qual garças e galinhas ficam, às vezes, com uma das pernas levantadas. Há uma função biológica nessa postura. Observando-as, pode-se perceber que, quando comem muito, ficam com a perna direita levantada e, quando comem algo que lhes faz mal, levantam a perna esquerda.”

Texto retirado do livro: ABC da Saúde III – Autor: Dr. Jong Suk Yum – Editora Convite do Brasil – 1987.

Na Unibiótica tudo é simples. Não tem complicação. Alguns chamam esse exercício de exercício da galinha Este exercício é prova que não é necessário fazer grande esforço para se recuperar a saúde e evitar certos problemas. Basta ter um pouco de interesse e dar o primeiro passo para praticar, pois com certeza os resultados virão. E vocês podem ter certeza que serão bons resultados!

Um forte abraço a todos!

Regina

PS: desculpem pela demora para atualizar o site! Estou estudando pra um concurso e não estou tendo tempo durante a semana! Vou começar a atualizar o blog nos fins de semana ok? Ai não tem desculpa! 😉

Ler Post Completo | Make a Comment ( 1 so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...